24 de agosto de 2009

Let it be!


Vinha desconfiando a um tempo, mas vir ter certeza essa semana, descobri que não sei como agir em situações de demonstrações de afeto, eu achava que era timidez ou quem sabe até medo, algo do tipo. Porém não, esta semana quando me vi imersa nesta situação pude me dar conta de que eu realmente não sei me portar em tal ocasião. Minha primeira reação é fugir junto com meu olhar para qualquer ponto distante, em seguida desconverso fingindo não ter ouvido nada e depois solto um desajeitado : “hããã, tá =}”. Sei que isso não pode ser normal, se for, por favor caros leitores me provem mostrando exemplos de seres humanos com esse mesmo defeito de fabrica. Dentro de todos “os piores” que o “não correto reagimento” pode causar está entre eles a tréplica do demonstrador de afeto, que é uma cara de: “que porra é essa?”. E mesmo sendo tão inútil quanto presentear com uma brasilia alguem que anda de ferrari, eu tento explicar minha reação(replica) que é quase tão involuntaria quanto um piscar de olhos. Depois de horas explicando, usando exemplos inuteis e enrolando mais do que baby liss, quem termina não entendendo mais nada sou eu, a minha dúvida consiste em saber se eu sou inapta para o amor ou se é algum botão que eu esqueci de ligar, se não for nem um nem outro tô pensando em botar pra funcionar no tranco =P. Mas isso tem que ser muito bem pensando né? Vai que eu me arrependo depois, já que o que mais se escuta por ai é que “o amor é que atrapalha tudo”. É melhor deixar como está. Let it be!


boa semana pra vocês o/

meu fds foi incrivelmente divertido, vcs deviam começar a me imitar, como diz a Isabella Taviane : ser feliz é uma estrada sem fim.

5 comentários:

ERICK MOURA disse...

como assim. "descobri que não sei como agir em situações de demonstrações de afeto,"
fiquei ate com medo... uhahahua
imagina só, eu te convidei pro meu niver , ai tu chega la e d vzs de dar os parabens fala." meus pêsames"

uhauhahuauhuhaa

oO

bjao

ERICK MOURA disse...

tem texto novo no meu blog ;)

Raquel Guedelha disse...

Ah, eu já fui assim. E acho que é algum botão que a gente esquece de ligar... mas o pior é quando você se expõe demonstrando todo o afeto de que é capaz e isso tudo só te dá algumas lágrimas em troca... mas daí você pensa: o importante é que eu senti. Sentir é vital. Um dia a gente muda e o mundo muda com a gente :)

Adorei!

Beijo!

Cristiane Alberto disse...

Ray,

as vezes é uma questão de 'olhar'. As vezes quem faz a demonstração de afeto está absolutamente certo que a mensagem está clara, no entanto, quem recebe não VÊ bem assim.

No seu caso, você tem certeza de ter recebido um afago?

Parabéns pelas palavras, muito bem colocadas, você sabe expressar lindamente os seus sentimentos.

Bjs.

Thaysa Oliver. disse...

HAHA! talvez seja como quando eu digo que você é LINDA E.
hauahauahauahaua
O fantástico mundo de Rayza! como eu viajo nas tuas histórias criatura!

E eu tbm meio que sou assim, mas é mais como um charminho, só pra escutar várias e várias vezes o que a pessoa me disse!
hauahauahauahauahauahaauahau
Massagem no Ego é bom e eu gosto! o//
Beeeijo :*