17 de setembro de 2009

é la.



Mesmo distante teu perfume invade minhas narinas.

É como se o agora fosse eterno e terno.

Tua destreza para certas situações me fascina.

És, e és por inteiro o que me completa,

Tu, só tu, é quem reside agora em meu peito

Peito este carregado de magoas e desilusões,

Mas que agüenta o tranco de mais uma.

Venha e venha sem pressa, venha pra ficar.

Não se preocupe com os remendos que esse peito esfolado expõe sem vergonha.

Vem e faz de lá tua morada incorruptível.

Porque é lá, aqui, que te querem tão bem.

por ti, eu.

5 comentários:

Thaysa Oliver. disse...

Tá apaixonada ou isso tudo é inspiração que vem do nada?
Por que eu tenho esses surtos de vez em quando...
Enfim... Belas palavras, como sempre!
:**

Letícia disse...

inspiraçao pra teextos lindos *-*

adorei :p

Pê disse...

amiiiiga, tu escreve beeem demais! muito lindo! amei :*

Nine disse...

Hum...
Que romantico!
srsrsrsrrsr
Ficou muito lindo, raíza!
Amei!!!!
*.*
beijo.

Anônimo disse...

Rayza,

simples assim... L-I-N-D-O!